O jovem precisa ter experiências profissionais antes de entrar de cabeça no mercado de trabalho. Para cada jovem e cada empresa, há um programa certo para a relação profissional acontecer com mais condições de sucesso. Entender sua função e a demanda de cada cargo é fundamental para lançar os jovens rumo à experiência bem resolvida.

Segundo Ruy Leal, ex-superintendente do Instituto Via de Acesso, contou em seu livro, Jovens Digitais, como ele enxergava esses programas:

Programa Aprendiz: para jovens que cursam os dois últimos anos do Ensino Fundamental, que possuem uma formação educacional mais frágil, mas está em busca de uma fonte financeira.

Estágio: onde estudantes de Ensino Técnico e Superior podem conhecer o mundo do mercado de trabalho, mais direcionado para sua área, sob supervisão de um profissional experiente.

Trainee: ideal para quem está no último ano do curso superior ou é recém-formado, que já estão muito bem preparados, mas ainda não assumem tantas responsabilidades dentro da empresa.