Com o aumento constante do uso das redes sociais entre os mais diversos grupos das mais diversas faixas etárias, um questionamento toma papel central no âmbito profissional: como o seu comportamento pode afetar a sua contratação?

Para isso selecionamentos algumas vantagens e desvantagens, e preparamos 5 dicas para você ter um perfil social que potencialize a sua chance de contratação.

 

Vantagens:

As redes sociais permitem um maior conhecimento da empresa pelo candidato que agora tem acesso ao histórico e funcionalidade da mesma, como também permitem a empresa conhecer melhor o candidato e realizar uma filtragem que define o melhor profissional para a vaga.

Desvantagens:

Com tudo muito público, a escolha do conteúdo postado deve ser analisada com cuidado, sempre colocando conteúdo adequado para cada rede e cada objetivo. Afinal, o que sobe para a internet, corre o risco de ficar marcado nela para sempre.

 

Com isso em mente, trazemos 5 dicas para te ajudar:

  1. Sempre se questione “Esse conteúdo é relevante e adequado para o meu perfil?” “Ele pode me afetar de forma positiva ou negativa?”.
  2. Faça bom uso do outdoor que as redes sociais são, mostre suas capacidades através de suas postagens. Use como um portfólio gratuito onde você expõe suas opiniões, capacidades e detalha seu perfil.
  3. Tem uma empresa que você adoraria trabalhar? Siga ela nas redes e compreenda um pouco mais sobre o que eles procuram, desta forma você aumenta suas chances de adequação com as vagas.
  4. Crie uma relação saudável com seus colegas, troque informações de portfólio, estabeleça conexões e agreguem juntos para se tornarem profissionais sempre melhores.
  5. Tenha um perfil nas redes que mais se adequam a quem você é e ao que você busca. Quer trabalhar com música? Fomente o Spotify. Procura uma grande multinacional? Alimente o linkedin com conteúdo relevante.